Nicolás Maduro sofre atentado com drones e explosivos durante discurso (FOTOS, VÍDEO)

Segundo informações oficiais, drones foram usados para detonar explosivos em um ataque a Nicolás Maduro, deixando 7 soldados feridos. Maduro e sua equipe saíram ilesos. Durante discurso neste sábado (4), em Caracas, diante do Exército, uma explosão foi ouvida e soldados correram em desespero. A transmissão do discurso foi interrompida.

De acordo com a agências de notícias, o evento militar comemorava os 81 anos da criação da Guarda Nacional Bolivariana (GNB).

O vídeo que circula nas redes sociais mostra Maduro interrompendo o discurso logo após um tumulto. Ele e seu gabinete que o acompanhavam olham para cima assustados e a imagem deixa de mostrar o palanque. Em seguida, os soldados que estavam em formação na Avenida Bolívar, em Caracas, começam a correr em diversas direções. A transmissão do evento foi imediatamente interrompida.

Segundo o governo mais tarde informou, trata-se de um atentado frustrado que tinha como objetivo atacar ao presidente Nicolas Maduro.

O vice-presidente da Comunicação, Cultura e Turismo do governo venezuelano, Jorge Rodríguez, confirmou os ataques e afirmou que 7 cadetes ficaram feridos. Ele também afirmou que “vários drones” foram utilizados para detonar explosivos e realizar o ataque.

Imagens divulgadas nas redes sociais mostram colunas de fumaça saindo do local.

Familiares de soldados que estavam no local também confirmaram que houve soldados feridos no atentado. Eles falaram à Sputnik Mundo:

“Um coronel me ligou para me informar que meu irmão está bem, mas disse que há cadetes feridos”, disse um dos familiares dos militares presentes no local das explosões.

​Fontes policiais também disseram que um drone sem autorização foi abatido na capital. Nicolás Maduro fará um pronunciamento à nação sobre o ataque.

Fonte: Sputniknews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *