Após três anos para executar sentença, ministro recebe indenização de blogueiro

Depois de quase três anos de tentativas de receber uma indenização por danos morais do blogueiro Paulo Henrique Amorim, o processo ajuizado pelo ministro Gilmar Mendes foi extinto na 18ª Vara Cível de Brasília pelo cumprimento da sentença.

Embora condenado a indenizar o ministro, Amorim ocultou seu patrimônio em nome de terceiros e em uma empresa offshore em paraíso fiscal. E, após várias tentativas frustradas, o advogado André Silveira conseguiu a penhorade 30% do que o apresentador recebe da TV Record mensalmente.

Em valores atualizados, o ministro do STF recebeu cerca de R$ 150 mil, depois de três meses de instauração da execução da sentença, que destinou ao Hospital São João Batista na cidade de Diamantino no Mato Grosso e ao Hospital do Câncer em Cuiabá.

Fonte: Conjur

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *