Macron contrai coronavírus, e Sanchéz entra em quarentena

Governantes de Espanha e Portugal entram em isolamento após contato com o presidente francês. União Europeia começará a vacinação no dia 27.

El País – O presidente francês, Emmanuel Macron, testou positivo para coronavírus, anunciaram fontes oficiais do Palácio do Eliseu nesta quinta-feira. Os testes foram realizados após os primeiros sintomas, e o líder ficará isolado por sete dias. Ainda não se sabe como e quando o presidente de 42 anos foi infectado, e ele suspenderá sua agenda até a próxima semana, incluindo uma viagem ao Líbano.

O Governo também informou que está analisando com quem Macron esteve em contato nos últimos dias. Nesta quarta-feira, o presidente fez reuniões no gabinete e recebeu o primeiro-ministro português, António Costa, de 59 anos. Dois dias antes, Macron também recebeu o primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez. O líder socialista de 48 anos suspendeu todas as atividades programadas para os próximos dias e ficará em quarentena até 24 de dezembro.

Acompanhe as últimas notícias sobre a pandemia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.