Maranhãozinho se defende de denúncia de propina: ‘Querem me sujar’

PF apreende R$ 2 milhões na casa do deputado Josimar Maranhãozinho - Diário  do Poder
EM – O deputado Josimar Maranhãozinho (PL-MA) se defendeu das acusações de que estaria envolvido em um esquema de propina do “orçamento secreto”. Pelas redes sociais, o parlamentar comentou também as imagens, feitas pela Polícia Federal, em que ele aparece com uma bolada de dinheiro nas mãos.

As imagens foram publicadas pela revista Crusoé.

Segundo Maranhãozinho, ele é vítima de uma tentativa de “sujar sua imagem de homem trabalhador”.

“Nossos adversários usam esse momento para tentar, mais uma vez, nos agredir, sujar nossa imagem, a nossa honra de homem sério trabalhador. Todo o Maranhão sabe que quando eu entrei na política, eu já era empresário, já era pecuarista. Agora, postaram imagens adquiridas ilegalmente de um inquérito que é sigiloso, que ainda vamos ver como eles conseguiram essas imagens”, disse.

Ainda de acordo com o deputado, o dinheiro é lícito. “Tudo o que nós temos é declarado, inclusive esse dinheiro em espécie”, contou.

Maranhãozinho é acusado de participar de um esquema de propinas onde parlamentares cobram comissão para indicar recursos do “orçamento secreto” a uma determinada prefeitura. O dinheiro seria pago por empresas interessadas nas obras e serviços ou pelo próprio agente público.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *