Após ser demitido, advogado que jogou cerveja em Luciano Hang se defende

DCM – O advogado Eduardo Alves divulgou uma nota explicando o motivo de ter jogado um copo de cerveja no empresário Luciano Hang. Ele foi demitido nesta sexta (17) após ter sido identificado.
Luciano Hang tomou um banho de cerveja

“Através dessa nota venho esclarecer fatos que ganharam repercussão devido à covardia do Senhor Luciano Hang. Peço que compartilhem! Esclareço, primeiramente, que o arremesso do copo no qual havia cerveja não foi o ato mais condizente para a situação. Porém, peço a quem lê a presente nota, que compreenda a motivação de ter feito o que fiz”, iniciou.

Assim como ele, também me encontro no pleno gozo de meus direitos políticos. Sou sim filiado ao Partido Democrático Trabalhista, o PDT, com muito orgulho. Entretanto, deixo claro, que o ato nada tem a ver com o partido ou com o time que torço”, continuou.

“A motivação do meu ato, naquela noite, foi por, assim como milhões de brasileiros, estar presenciando as diversas barbaridades promovidas pelo atual Governo Federal, que possuí notória proximidade com o empresário objeto dessa nota”, acrescentou.

Ele relembrou que Hang incentivou o uso de medicamentos sem eficácia comprovada contra Covid-19. “Vale mencionar o processo que o MPT esta movendo contra o Sr. Hang, por ter, de forma covarde, coagido seus funcionários a fazer campanha para Bolsonaro em 2018”, completou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *