Da guerra de inverno ao ataque a Pearl harbor: as vitórias que foram derrotas

AH – Conheça as vitórias pírricas que na verdade geraram inúmeros prejuízos para os vencedores.

Designada para se referir a uma conquista histórica em guerra ou batalha, que foi obtida as custas de um alto preço, vitórias pírricas são conhecidas por gerar inúmeros prejuízos para uma determinada sociedade.

Em geral, esse tipo de vitória é quando o lado vencedor sofre danos irreparáveis, que no final das contas a conquista torna-se uma derrota. Ao longo da História, tal fato aconteceu diversas vezes.

Dois grandes exemplos foram a Guerra de Inverno e o ataque a Pearl Harbor, ambas ocorridas durante a Segunda Guerra Mundial. Travada entre a Finlândia e a União Soviética, a Guerra de Inverno, por exemplo, teve como vencedora a URSS. Contudo, o bloco comunista acabou sendo expulso da Liga das Nações.

Já o ataque a Pearl Harbor foi protagonizado pelos Estados Unidos e Japão. O confronto resultou na vitória dos japoneses. No entanto, mais tarde, o país asiático foi alvo de uma vingança do território estadunidense, levando aos brutais ataques em Hiroshima e Nagasaki.

No podcast ‘Desventuras na História‘, o professor de História Vítor Soares, dono do podcast ‘História em Meia Hora’, conta a história de 10 vitórias em guerra que, no fim das contas, se tornaram um fracasso.

Abaixo, você confere o episódio “Vitórias pírricas, as conquistas que foram derrotas”.

+++Acompanhe Vítor Soares no Instagram:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *