Após ação no TCU contra Moro, Renan e Dallagnol batem boca

Terra – Ex-coordenador da força-tarefa da Lava Jato respondeu após ser chamado de “pivete” pelo parlamentar de Alagoas.

O senador Renan Calheiros (MDB) e o ex-procurador Deltan Dallagnol trocaram farpas em postagens no Twitter. Após ser chamado de “pivete” pelo parlamentar de Alagoas, o ex-coordenador da força-tarefa da Lava Jato respondeu que não está na lista de “cupins que se alimentam da República” em mensagem compartilhada pelo aliado Sergio Moro, presidenciável do Podemos.

“Deltan Dallagnol é um pivete conhecido com uma folha corrida cheia de transgressões, delitos e abusos”, escreveu Renan, acrescentando que Dallagnol haverá de pagar por crimes que cometeu.

Cotado a concorrer a uma vaga na Câmara dos Deputados pelo Podemos, o ex-chefe da Lava Jato rebateu: “Há políticos com uma ficha marcada por crimes, roubalheira e coronelismo. Cupins que se alimentam da República há vários anos. Não estou nesta lista, mas o povo sabe quem está”. Ao compartilhar a resposta, Moro comentou em defesa do ex-procurador: “Nunca foi tão fácil escolher um lado”.

O bate-boca aconteceu após críticas de Dallagnol ao subprocurador-geral Lucas Furtado pelo pedido de indisponibilidade de bens de Moro ao Tribunal de Contas da União (TCU), sob alegação de suposta sonegação de impostos nos pagamentos que o ex-juiz recebeu da consultoria Alvarez & Marsal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *