União Brasil fecha questão: Moro não é candidato a presidente

DCM – A direção do União Brasil fechou questão e Sergio Moro não vai ser candidato a presidente pelo partido. O projeto do ex-juiz ficará restringido ao estado de São Paulo. Ele terá que trabalhar para ser candidato ao cargo de deputado ou, no máximo, senador. A legenda divulgou uma carta neste sábado (2) com as assinaturas de Luciano Bivar e ACM Neto.

Desta forma, o grupo liderado pelo ex-prefeito de Salvador irá retirar o pedido de impugnação da filiação do ex-ministro de Jair Bolsonaro. É um gesto para mostrar boa vontade com o recuo dado por Moro.

Em nota, o União Brasil chamou o ex-juiz da Lava Jato de “um homem íntegro, capaz de enriquecer, junto às demais lideranças partidárias, a discussão sobre o futuro que almejamos para o país”.

Na sequência, relatou que a “sua filiação ao União Brasil tem como objetivo a construção de um projeto político-partidário no estado de São Paulo e facilitar a construção do centro democrático, bem como o fortalecimento do propósito de continuarmos crescendo em todo o país”

O mais provável que Moro se torne o candidato do partido ao Senado, já que José Luiz Datena deixou a agremiação e se transferiu para o PSC, assumindo uma aliança com Tarcísio de Freitas.

Confira a nota:

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *