Renan Filho renuncia ao governo de Alagoas para disputar Senado

O governador de Alagoas, Renan Filho, é filho do senador Renan Calheiros (MDB)

Poder 360 – Com a saída do filho de Renan Calheiros do comando do Estado, a vaga será preenchida por eleições indiretas.

O governador de Alagoas, Renan Filho (MDB-AL), anunciou neste sábado (2.abr.2022) sua renúncia ao cargo de chefia do Estado, depois de 7 anos e 3 meses na função.

“Vou alçar voos mais altos por Alagoas”, disse o filho de Renan Calheiros (MDB). Ele disputará uma vaga no Senado nas eleições em outubro. O prazo de renúncia a cargos públicos por autoridades que disputarão as eleições termina hoje no fim do dia.

ESTADO TERÁ ELEIÇÕES INDIRETAS

A saída de Renan Filho deixou o Estado com uma eleição indireta para sua vaga. Isso se deve ao fato de que seu vice-governador, Luciano Barbosa (MDB-AL), deixou o cargo nas eleições de 2020, quando se tornou prefeito de Arapiraca.

O preenchimento da vaga caberia então ao presidente da Assembleia Legislativa de Alagoas, Marcelo Victor. No entanto, ele tenta a reeleição no Estado. O cargo então passará ao presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas, Klever Loureiro, que ficará 30 dias no cargo até a eleição de novo governador e vice, pelos deputados estaduais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *