Após escândalo do MEC, Bolsonaro reconhece que existe corrupção no governo: “casos isolados que pipocam”

Bolsonaro e Milton Ribeiro

Brasil 247 – “Não temos nenhuma corrupção endêmica no governo. Tem casos isolados que pipocam e a gente busca solução para isso”, discursou Bolsonaro durante evento da CNI.

Jair Bolsonaro (PL) foi derrotado em seu discurso de que não há corrupção em seu governo e agora já reconhece “casos isolados”. A mudança na narrativa do chefe do executivo ocorreu durante discurso em evento da Confederação Nacional da Indústria (CNI) nesta quarta-feira (29), e após a divulgação do escândalo no Ministério da Educação, envolvendo o ex-ministro Milton Ribeiro e pastores próximos ao presidente.

Em trecho do discurso de hoje de Bolsonaro, recuperado pelo jornal O Globo, o presidente afirma: “(…) bem como o combate à corrupção. Isso nós estamos muito bem no governo. Não temos nenhuma corrupção endêmica no governo. Tem casos isolados que pipocam e a gente busca solução para isso.”

O jornal lembra que, há poucos meses, em março, Bolsonaro havia afirmado categoricamente que seu governo estava ‘limpo’ de esquemas: “E quando se fala em corrupção, nós temos que falar: três anos e três meses sem qualquer denúncia de corrupção em nossos ministérios. Tentam a toda maneira nos igualar com quem nos antecedeu, mas não conseguirão, porque é um governo que acima de tudo tem profundo respeito pela sua população.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.