18 de julho de 2024
DestaquesGeral

PM mata colega, atira contra ex-esposa no dia do divórcio e se suicida a seguir

Revista Fórum – O soldado Eudson Felipe Cavalcante Moura, 24, foi até o local para tentar impedir o crime e acabou morto.

O cabo da Polícia Militar (PM), Moisés da Silva Santos, 31, atirou contra a ex-esposa e um colega de farda e, a seguir, se matou, na cidade de Arapiraca (AL), no fim da tarde da última sexta-feira (5), dia em que ela entrou na Justiça com pedido de reconhecimento e extinção de união estável.

O PM, que já tinha outro relacionamento, avisou a alguns colegas que iria matar a ex-esposa na casa dela. Ao saber do fato, o soldado Eudson Felipe Cavalcante Moura, 24, foi até o local para tentar impedir o crime.

Segundo imagens de uma câmera de segurança, eles iniciam uma conversa que durou menos de um minuto. A seguir, Moisés saca o revólver e atira à queima-roupa, matando o colega na hora.

Após matar o colega, o cabo arromba e invade a casa da mulher, atira contra ela no braço e na cabeça e a seguir se mata. Ela foi levada para o Hospital de Emergência do Agreste, em Arapiraca e não corre risco de morte.

O soldado Eudson também estudava direito na Uneal (Universidade Estadual de Alagoas). A instituição postou nota lamentando o crime e descrevendo o universitário como “inteligente, atencioso e apaziguador.”

Com informações da coluna de Carlos Madeiro no UOL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *