20 de maio de 2024
DestaquesEconomiaGeral

Maranhão é destaque no avanço do PIB do Nordeste

BNB – Informação foi apresentada em palestra técnica durante Agrobalsas 2024, nesta quarta-feira (15).

O crescimento econômico do Produto Interno Bruto (PIB) do Nordeste, em 2023, é de 4,4% maior que a média do Brasil em 2023, alavancado principalmente pela economia do Maranhão. A informação é uma projeção do Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene), área de pesquisas do Banco do Nordeste foi apresentada em palestra técnica realizada durante Agrobalsas 2024, nesta quarta-feira, 15.
‏ ​   
Ministrada pelo economista e gerente executivo de Macroeconomia do Etente, Allisson Martins, a palestra evidenciou a relevância da capacidade produtiva do Maranhão para crescimento da economia estadual e regional. De acordo com Martins, a produção agrícola maranhense é de 9,7 milhões de toneladas para a Safra 2024, sendo cerca de 4 milhões de produção de soja, uma alta de 4,2% se comparada à Safra 2023.

O economista Allisson David destacou a importância da performance da economia maranhense para crescimento do PIB do Nordeste

“A atividade econômica do Nordeste voltou a apresentar crescimento superior ao Brasil e, em grande medida, pela performance do Maranhão. Em 2023, segundo projeções do Etene, a economia maranhense foi a que mais cresceu no Nordeste, com aumento do PIB superior a 7%. Para 2024, o Maranhão deve permanecer como força motriz de crescimento do Nordeste, se consolidando como a economia que mais avança no PIB. Além do agronegócio pujante no estado, as atividades de serviços e o comércio varejista serão catalisadores da economia maranhense neste ano”, explicou Allison Martins.
‏ ​   
O Banco do Nordeste é a principal instituição financeira de fomento da região Nordeste, sendo responsável por cerca de 40% dos financiamentos rurais do Maranhão, inclusive aqueles destinados ao agronegócio.
‏ ​   
“A produção rural empresarial tem um papel relevante para a economia maranhense e nordestina porque evidencia a vocação produtiva do estado e gera desenvolvimento. Em 2023, por exemplo, o Banco do Nordeste aplicou cerca de R$ 3,1 bilhões no agronegócio maranhense, 18% a mais que em 2022, crédito fundamental para impulsionar a atividade e fortalecer a economia, a partir da geração de empregos, aumento da massa salarial e contribuição com a arrecadação tributária que viabiliza investimentos públicos em infraestrutura e serviços”, destacou Isaque Nascimento, superintendente estadual do BNB no Maranhão.

O cliente do Agroamigo, José Ferreira de Aguiar, assinou contrato de crédito para investimento em seu empreendimento rural

‏ ​   
Também participaram da programação o gerente de Ambiente do Agronegócio do BNB, Eliezer Lobo, o presidente da Fapcen, Paulo Kreling, empreendedores do agronegócio, clientes, representantes de instituições do setor produtivo de Balsas e municípios vizinho e gerentes gerais das agências da instituição financeira no Maranhão. Ao final da agenda, foram assinados contratos de crédito com clientes do programa de microcrédito rural do Banco do Nordeste, o Agroamigo, do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), e para custeio pecuário.
‏ ​   
BNB no Agrobalsas
‏ ​   
Durante a 20ª edição do Agrobalsas, o Banco do Nordeste manterá equipe de atendimento especializada para orientação e oferta das melhores condições do mercado, a partir de recursos constitucionais, ofertados com exclusividade pela instituição financeira em sua área de atuação.
‏ ​   
Dentre os destaques, serão disponibilizados recursos para financiamento de máquinas e equipamentos, energia solar, implantação de inovação nos empreendimentos rurais, crédito para custeio e para agricultura familiar. O estande do BNB localiza-se na avenida principal da Feira, e terá atendimento em todos os dias da Feira, sempre das 8h às 22h.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *