20 de maio de 2024
DestaquesGeralPolítica

Musk volta a provocar Moraes após fala sobre redes sociais: “Poder ao povo”

DCM – O bilionário Elon Musk, dono do X (ex-Twitter), voltou a provocar o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), após uma declaração sua sobre as redes sociais.

Por meio de seu perfil na plataforma, ele compartilhou uma matéria sobre a visita do magistrado ao Congresso Nacional e escreveu: “Poder ao povo”.

A declaração do magistrado foi vista como uma provocação pelo bilionário, que usou uma frase que se tornou uma espécie de lema em atos golpistas promovidos por bolsonaristas nos últimos anos.

Durante evento no Congresso, Moraes defendeu a regulamentação das redes sociais e afirmou que “nós éramos felizes e não sabíamos” antes da popularização das plataformas. “Na virada do século, não existiam redes sociais, nós éramos felizes e não sabíamos. Há necessidade dessa regulamentação do tratamento da responsabilidade”, afirmou Moraes.

 

O empresário tem feito uma série de ataques ao magistrado desde a semana passada. Ele chegou a acusá-lo de promover censura no país e ameaçar não cumprir mais as ordens do Supremo. A ofensiva começou sob a alegação de que o bilionário estaria defendendo a liberdade de expressão.

Após os ataques, Musk foi incluído no inquérito das milícias digitais do Supremo, cujo relator é Moraes, e se tornou alvo de uma investigação da Polícia Federal por obstrução à Justiça, organização criminosa e incitação ao crime.

A ofensiva de Musk também gerou problemas ao escritório do X no Brasil, que contrariou o bilionário e prometeu cumprir “integralmente” todas as determinações da Corte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *