20 de maio de 2024
DestaquesGeral

Jovem morre após deixar sauna gay e vira investigação em SP

DCM – A Polícia Civil está investigando a morte de um publicitário de 23 anos que desapareceu após sair de uma sauna gay no Largo do Arouche, região central de São Paulo.

Yuri Castro desapareceu após sair do Hotel Chilli na madrugada de segunda-feira (22). Ele foi resgatado por uma ambulância do Samu na rua General Osório, na região da Santa Ifigênia, a cerca de 900 metros da sauna.

O jovem foi levado para a UPA Vergueiro, no bairro da Liberdade, onde morreu. As circunstâncias da morte ainda não foram esclarecidas. O corpo de Yuri foi identificado pela família no IML na quarta-feira (24) e deve ser enterrado na sexta-feira (26). A Polícia Civil está investigando o caso. Exames periciais foram solicitados.

Um áudio de um segurança da sauna descreve uma suposta interação com Yuri, mencionando uma dívida de aproximadamente R$ 700. O segurança alega que Yuri teria se tornado agressivo e fugido, deixando para trás seu celular e chave do quarto.

O estabelecimento nega qualquer relação com a morte do rapaz. O proprietário afirmou que Yuri era cliente do local e que não houve violência por parte dos funcionários. Ele se comprometeu a prestar depoimento à polícia e fornecer imagens das câmeras de segurança da sauna.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *